DOIS MESES

Servidores da saúde de Chapada param por atrasos nos salários

Redação: Notícias da Baixada | 03/12/2020 - 12:21
Servidores da saúde de Chapada param por atrasos nos salários

Servidores da Saúde de Chapada dos Guimarães (67 km ao Norte de Cuiabá) paralisaram as atividades a partir desta quinta-feira (3). Eles acusam falta de pagamento desde setembro e só voltam ao trabalho quando a situação for resolvida.

O advogado Marcos Gusmão explica que são 69 funcionários lotados na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e postos de saúde da cidade. Eles são contratados por uma empresa terceirizada, que alega não receber repasse da prefeitura para pagar os funcionários.

Fizemos reunião com a prefeita ontem e ela garantiu que hoje iríamos receber, mas nada caiu na conta. A gente tinha certeza que isso seria resolvido, mas não ocorreu e tivemos que parar”, afirma o servidor.

Conforme o advogado explicou, geralmente os salários são pagos no dia 15 de cada mês. Dessa forma, está atrasado setembro, outubro e novembro está para vencer.

O servidor conta que é frequente o pagamento com alguns dias de atraso, mas não passava de um mês para o outro. “A situação está muito difícil. Têm pessoas passando necessidade, que só tem esse trabalho e não recebe”, relata.

Outro lado

A reportagem tentou contato prefeitura de Chapada dos Guimarães, Thelma de Oliveira, mas as ligações não foram atendidas e nem as mensagens respondidas. O médico Euler Presa, responsável pela empresa terceirizada, também foi procurado, mas não houve resposta sobre o caso.

Fonte: Gazetadigital