Notícias e Informações em tempo real dos municípios que compõem a região da Baixada Cuiabana
NOSSA SENHORA DO LIVRAMENTO

Prefeito Souza: Temos áreas muito boas e o clima é excelente para o desenvolvimento da piscicultura em nosso município

Destacou o prefeito de Livramento Silmar de Souza (DEM), durante um Encontro de Piscicultores realizado na manhã do dia 28/11, no Centro de Eventos do Município.”

Redação: Notícias da Baixada | 04/12/2019 - 15:28
Prefeito Souza: Temos áreas muito boas e o clima é excelente para o desenvolvimento da piscicultura em nosso município

O Encontro reuniu representantes de todos os elos da cadeia com foco em comercialização e agregação de valor da piscicultura, dentre eles produtores, representantes de instituições públicas, de associações, de empresas do setor e pesquisadores.

Em sua fala Souza destacou sobre a importância da cadeia da piscicultura para o município papa-banana ao destacar que Nossa Senhora do Livramento tem um papel de destaque na produção de pescados no Estado de Mato Grosso.

Temos áreas muito boas, o clima é excelente para o desenvolvimento da piscicultura.”

Porém, segundo o prefeito: “nós precisamos de políticas públicas que favoreçam os pequenos e médios produtores para que possam ter sucesso na atividade.”

Ainda, de acordo com Souza existem alguns entraves como a regularização fundiária para que os pequenos tenham acesso a crédito. Para o prefeito, Livramento tem condições de se tornar o município do peixe em Mato Grosso e o Sebrae tem feito um trabalho muito bacana junto a Aquamat, em parceira com a prefeitura local.

“É de interesse nosso que o setor e desenvolva e melhore cada vez mais”. Nossa Senhora do Livramento conta com 85 produtores de pescado, produzindo em 1.150 hectares de lâmina d’água com uma produção de 8.640 toneladas/ano (dados de 2018).

Não é a toa que o município é sede de um laboratório de pesquisa e produção de alevinos da Empaer (Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural), que produziu em 2018, 406 milheiros de alevinos, comercializados, sobretudo, para os pequenos produtores a preços bem abaixo do de mercado - enquanto um milheiro de alevinos custa no mercado cerca de R$ 600,00, lá sai por R$ 220,00 a R$ 250,00, dependendo do tamanho.

A expectativa para o próximo ano é fazer pelo menos um milhão de alevinos.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Pref de Livramento-MT