Notícias e Informações em tempo real dos municípios que compõem a região da Baixada Cuiabana
SEM RECESSO

Thelma diz que Prefeitura vai deixar de economizar R$ 600 mil

A prefeita de Chapada dos Guimarães foi entrevistada pelo jornalista Antero Paes de Barros, na rádio Capital FM

Redação: Notícias da Baixada | 26/11/2019 - 22:55
Thelma diz que Prefeitura vai deixar de economizar R$ 600 mil

thelma de oliveira A prefeitura de Chapada dos Guimarães ( 67 km da Capital) vai deixar de economizar cerca de R$ 600 mil, em função do cancelamento do recesso de final de ano, que deveria vigorar entre 21 de novembro e 12 de janeiro de 2020.

O decreto da prefeita Thelma de Oliveira (PSDB) foi derrubado pela Câmara de vereadores do município, na semana passada. Em entrevista ao jornalista Antero Paes de Barros, na rádio Capital FM, nesta terça-feira (26), a prefeita Thelma de Oliveira (PSDB), lamentou que o parlamento não entendeu o objetivo do recesso.

Os servidores iriam trabalhar em sistema de plantão e nós iríamos economizar R$ 600 mil e adequar as contas à Lei de Responsabilidade Fiscal. Estamos um pouco acima do limite com 56% de gastos com pessoal, poderíamos chegar até 52%”, ressaltou Thelma Oliveira.

Com os servidores trabalhando em sistema de plantão a prefeitura iria economizar em energia, água, transporte, combustível e até no cafezinho, segundo a prefeita. Thelma explicou também que os gastos com pessoal estão acima do limite da LRF porque a prefeitura tem feito contratos temporários para atender a demanda de alguns setores como o de sáude.

“Há muito servidores afastados em licença médica afastados e temos que contratar servidores para atender a população”, afirmou.

Segunda a prefeita, a inauguração de unidades de saúde em Praia Rica (120 km) e de Jangada do Roncador, a 120 e 90 km da sede, respectivamente, exigiu mais funcionários. “Na saúde os profissionais são mais caros. Temos contratos também nas áreas de fiscalização e educação”, apontou Thelma de Oliveira.

Fonte: Pnbonline