POLÍCIA / ENFORCADO

Acusado por assassinato de mulher em hotel de VG comete suicídio em Jangada-MT

Policiais que buscavam o paradeiro de Daniel Domingos o encontraram enforcado, na tarde desta quarta-feira (10) na zona rural de Jangada ( 76 km de Cuiabá).

Redação: Notícias da Baixada | 10/07/2019 - 17:50
Acusado por assassinato de mulher em hotel de VG comete suicídio em Jangada-MT

Acusado pelo assassinato de Luciana Aparecida de Silveira, encontada morta em um hotel em Várzea Grande, nesta quarta-feira (10), Daniel Domingos Mendes cometeu suicídio, em uma chácara na comunidade do Barcada, zona rural de Jangada ( 76 km de Cuiabá).

O corpo dele foi encontrado no período da tarde. De acordo com a Polícia Militar (PM), após uma denúncia sobre o paradeiro do acusado, uma viatura do 7º Batalhão da PM se deslocou até a chácara, onde encontrou Daniel enforcado com uma corda amarrada no teto da área externa da casa, onde estava escondido. Neste momento o local está isolado pelos militares. A Polícia Civil de Rosário Oeste (104 km de Cuiabá) foi acionada para dar início aos trabalhos de investigação.

O caso O corpo de Luciana foi encontrado no quarto do Hotel trevo em Várzea Grande na por volta das 8 horas da desta quarta-feira (10) por funcionários, que entraram no local para fazer a limpeza de rotina, após dois dias de hospedagem no estabelecimento. A vítima deu entrada no hotel na segunda-feira (08), por volta das 12 horas na companhia de um homem, até então não identificado, que deixou o local por volta das 16 horas do mesmo dia. Um policial militar disse a reportagem que o corpo estava “bastante inchado”.

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) aponta que a mulher tenha sido asfixiada. Uma equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) foi até o local para levantar informações sobre a morte e dar início nas investigações.

Fonte: Assessoria da PJC/MT e ReporteMT